sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Gosto disto!




Não posso entrar na Livraria Bertrand que me desgraço. Que acham das minhas compras leitores?


Mistério na Califórnia de Elizabeth Adler - Novidade Quinta Essência


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 352
Editor: Quinta Essência
ISBN: 9789897261749
PVP: 15,90€
Disponível a partir de 03-03-2015

Sinopse
Há um assassino a aterrorizar São Francisco...
A vida tranquila de Fen Dexter na costa idílica da Califórnia é interrompida numa noite de tempestade, quando um homem coberto de sangue aparece à sua porta, alegando ter tido um acidente de carro. Diz-lhe que vai a caminho de São Francisco para ajudar a polícia a resolver o homicídio da sua noiva. Incapaz de chegar ao hospital por causa da tempestade, ele passa a noite em casa de Fen, e a atração entre ambos é óbvia. Na manhã seguinte, ele dirige-se ao hospital onde a sobrinha médica de Fen, Vivi, trabalha nas Urgências. Vivi está a tratar o mais recente alvo de um assassino em série cuja assinatura é deixar um bilhete a dizer «Por favor, não contes» colado sobre a boca das suas vítimas. Quando o desconhecido misterioso de Fen vai ter com Vivi para que as suas feridas sejam cosidas, ela concorda em pô-lo a falar com a polícia sobre a sua noiva.
Quem é este homem, realmente? O que quer com Fen e a sobrinha? E irão elas viver o suficiente para descobrir a verdade?

Elizabeth Adler é britânica. Autora de mais de vinte romances, é reconhecida internacionalmente pelas suas histórias envolventes que combinam de forma magistral mistério, amor e destinos de sonho. Os seus livros estão publicados em vinte e cinco países, com mais de quatro milhões de exemplares vendidos em todo o mundo.
Adler e o marido viveram em vários países até que fixaram residência em La Quinta, Califórnia, onde passam dias tranquilos na companhia dos seus dois gatos. 
Para saber mais, visite: www.elizabethadler.com

Para saber mais sobre o livro visite o site da Quinta Essência, aqui.

Perfect Library!


(Fonte: http://casavogue.globo.com/Interiores/noticia/2013/05/decor-do-dia-leitura-iluminada.html)

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

A Educação de Felicity Academia de Etiqueta - Vol. I de Marion Chesney - Novidade Asa


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 240
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789892330167
PVP: 15,50€
Disponível a partir de 03-03-2015

Sinopse
Numa época em que as mulheres da nobreza só dispõem de duas opções - casar ou esperar que um parente rico morra - as irmãs Tribble não têm sorte nenhuma. Não só ainda não encontraram o amor como, após anos de bajulação a uma intratável tia velha, veem o seu nome apagado do testamento aquando da sua morte.
As românticas Amy e Effie Tribble sonhavam com ricos jantares de carne assada e batalhões de criados aduladores mas agora estão oficialmente na penúria. Ironicamente, é neste cenário desolador que lhes ocorre uma ideia brilhante: colocar a sua educação esmerada ao serviço das jovens mais "difíceis", apresentá-las à sociedade e arranjar-lhes casamento.
Não contavam que a sua primeira cliente fosse Lady Felicity Vane, cuja rebeldia ameaça enlouquecer a sua própria mãe e arruinar o projeto sentimental de Amy e Effie. A jovem prefere caçar com os amigos a pensar em casar. Mal ela sabe que o seu suposto pretendente é o homem que mais a irrita (e que mais irritado se sente por ela). Felicity nunca admitirá que o seu coração treme ao ver Charles Ravenswood, principalmente porque o elegante marquês parece não ter paciência nenhuma para as suas extravagâncias. O clima entre ambos é tão tenso que, se soubessem o que as irmãs planeiam, o resultado seria, no mínimo, desastroso… 

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

A Nossa Casa é onde está o Coração de Toni Morrison - Novidade Editorial Presença


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 144
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722354967
PVP: 12,50€
Disponível a partir de 03-03-2015

Sinopse
Frank Money regressa da guerra da Coreia em luta com os seus fantasmas. É um homem perturbado por um profundo sentimento de culpa pelas atrocidades que se viu obrigado a cometer e pela relutância em voltar à sua cidade natal na Georgia, onde deixou dolorosas memórias de infância e a pessoa que lhe é mais querida, a irmã. Mas quando recebe uma carta avisando-o de que Cee corre risco de vida, Frank regressa, atravessando uma América dividida pela segregação. Através desta viagem, e da viagem interior que o protagonista vai fazendo, a autora dá-nos a definição do que é o lar, o lugar onde estão os nossos afetos, numa combinação entre a realidade física e social e a subtileza psicológica e emocional.

Toni Morrison é Professora de Letras da Cátedra de Robert F. Goheen, na Universidade de Princeton. Foi galardoada com o National Book Critics Circle Award e com o Prémio Pulitzer, e, em 1993, com o Prémio Nobel da Literatura. Vive em Rockland County, Nova Iorque, e em Princeton, New Jersey. A Dom Quixote orgulha-se de incluir no seu catálogo os seus romances Love e Beloved. 

Saiba mais sobre o livro no site da Editorial Presença, aqui.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Uma Nova Esperança de Colleen Hoover - Novidade Topseller


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 304
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898800312
PVP: 17,69€
Disponível a partir de 03-03-2015

Sinopse
Holder é um adolescente em busca da sua melhor amiga, Hope, a quem voltou costas um dia, há treze anos. O mesmo dia em que ela foi raptada e levada para sempre. Quando uma tragédia envolve a irmã gémea de Holder, Less, a necessidade de encontrar Hope torna-se mais forte do que nunca. Holder sente-se diariamente perseguido por fortes sentimentos de culpa, e os remorsos que sente por não ter conseguido ajudar nem a sua irmã, nem Hope, são devastadores.
Quando um dia, inesperadamente, se cruza com uma rapariga que se parece com Hope, Holder vai fazer tudo para se aproximar dela a fim de reencontrar a paz de que tanto necessita. Mas porque insiste Hope em dizer que se chama Sky e que não o conhece? E, por outro lado, porque sente Holder que esta rapariga, que o rejeita e se tenta afastar, precisa tanto dele quanto ele precisa dela?
Uma Nova Esperança (Hope) narra pela voz de Holder um reencontro que trará memórias há muito esquecidas e que revelará verdades que poderão doer demasiado. Para alcançarem a paz e a felicidade, Holder e Hope terão de encarar a mais dolorosa e íntima das memórias. Conseguirão ambos traçar um caminho juntos após desenterrarem um passado tão difícil? E será o amor de Hope a chave para uma nova esperança na vida de Holder? 

Colleen Hoover é uma autora norte-americana que já atingiu o 1.º lugar no top de vendas do New York Times e comoveu muitos leitores com os seus seis livros publicados, incluindo Um Caso Perdido (Hopeless).
Colleen cresceu numa quinta, no Texas, casou-se aos 20 anos e tirou uma licenciatura em Serviço Social. Trabalhou nos Serviços de Proteção a Crianças, antes de voltar aos estudos para concluir a sua formação em Educação Especial e Nutrição Infantil.
Vive com o marido e os três filhos à beira de um lago no Texas. 

Críticas de imprensa
«Colleen Hoover é uma das vozes mais vigorosas da ficção para jovens adultos.» Kirkus Reviews

«Três definições: cativante, comovente, belo.» Caffeinated Book Reviewer

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Antes Que Morras de Samantha Hayes - Novidade TopSeller


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 304
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898800169
PVP: 17,69€
Disponível a partir de 02-03-2015

Sinopse
Dois anos após uma assustadora vaga de suicídios entre adolescentes, a vila remota de Radcote começa a retomar a normalidade.
A inspetora Lorraine Fisher acaba de chegar para visitar a família, e o que encontra é uma atmosfera tensa e preocupante. A comunidade vê-se a braços com novas mortes misteriosas e até o seu sobrinho adolescente, Freddie, parece estar a afundar-se em pesadelos do passado.
Quando Freddie desaparece, Lorraine sabe que tem de agir rapidamente… antes que seja tarde demais. 
Perverso, intenso e totalmente compulsivo, Antes Que Morras confirma Samantha Hayes como uma das grandes autoras de suspense da atualidade.

Samantha Hayes é escritora profissional desde 2006, contando já com seis títulos publicados (Blood Ties, Unspoken, Tell Tale, Someone Else's Son, Até Que Sejas Minha e Antes Que Morras)
Os seus livros estão publicados em múltiplos países: Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, Holanda, Noruega, França, Espanha, Itália, Turquia, Hungria, Rússia, Brasil, Polónia e China.
Samantha Hayes viveu na Austrália e nos Estados Unidos antes de, finalmente, se estabelecer na sua terra natal, no centro de Inglaterra.
Escreve sobretudo thrillers psicológicos ambientados na vida familiar e focados em assuntos do quotidiano. Até que Sejas Minha é o seu livro de maior êxito até ao momento.

Críticas de imprensa
«Até Que Sejas Minha foi um surpreendente bestseller internacional de Samantha Hayes, e este seu novo livro parece destinado a ser outro grande sucesso… Vai ficar agarrado a ele até de madrugada!»
Essentials

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Um mimo encantador


Obrigada Porto Editora!

Operação Negócios Privados de Paulo Reis - Novidade Planeta


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 248
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896576011
PVP: 16,95€

Sinopse
Um agente da secreta portuguesa pelos meandros da corrupção do «dinheiro a sério».
«Durante cerca de uma hora, Pedro Baltazar e Jorge Oliveira debruçaram-se sobre os segredos do Grupo Privado de Negócios. À medida que a informação ia correndo, o Velho foi-se apercebendo da verdadeira dimensão e poder do grupo. Quando Jorge Oliveira lhe explicou os detalhes do arranque do grupo, concluiu que havia ali algo de profundamente estranho.»
Pedro Baltazar, o Velho, como é conhecido nos meios da secreta, tem contas antigas a ajustar com a verdade. Mas hoje, a verdade esconde-se de tantas maneiras, e sob tantas camadas de informação cuidadosamente injectada, que parece impossível sequer de localizar. 
Desde a operação em curso às ramificações do fundamentalismo islâmico que actua em Portugal, à «toupeira» a que é preciso dar caça dentro dos próprios Serviços de Segurança e Informação, o Velho é posto à prova em várias direcções.
Até o polvo da alta finança, que domina por completo políticos e jornalistas – e logo a «realidade» que nos é servida –, vem requerer osseus serviços, na pessoa do Dr. Hansen, impecável representante daFundação Reflectir Portugal, fachada do Grupo Privado de Negócios,fachada, por sua vez, dos donos de todos nós... 

Paulo Reis nasceu em 1957, em Angola, e veio para Portugal em 1975, quando a guerra civil na antiga colónia portuguesa se generalizou. Em 1981 concorreu a um lugar de estagiário no semanário Tempo e começou aí a sua carreira jornalística, que se transferiu, dois anos depois, para a Rádio Renascença. Entretanto, integrou a lista, presidida por José Pedro Castanheira, eleita para a Direcção do Sindicato dos Jornalistas em 1986.
Nesse mesmo ano, deixa o jornalismo e aceita um convite para ir trabalhar para Macau, para o Gabinete de Comunicação Social, com funções de assessoria de Imprensa. Funções que abandona em 1991, regressando ao jornalismo como director de um jornal diário, a Gazeta Macaense. 
Em 1997 vem de novo para Portugal e trabalha n’A Capital e no semanário O Independente, de onde sai em 2004 para trabalhar como freelancer. Em 2008 regressa definitivamente a Macau, onde dirige o jornal diário Ponto Final, mas volta a optar por ser freelancer pouco depois, dedicando-se desta vez à produção de textos, trabalho de copydesk e traduções. 
Operação Negócios Privados é o seu primeiro romance.
É casado e tem dois filhos, de 29 e 19 anos. 

Perfect Library!


(Fonte: http://casavogue.globo.com/Interiores/noticia/2013/05/decor-do-dia-cultura-vista.html)

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Passatempo Guerra e Paz Editores - Amar Não É Pecado (5º/2015)


Com o precioso apoio da Guerra e Paz Editores, temos para oferecer um exemplar do livro Amar Não É Pecado. Para se habilitar a ganhar este exemplar, só tem de responder correctamente às questões que se encontram no formulário e ler com atenção as regras do passatempo. 


Regras do passatempo:

O passatempo é válido de 19 de Fevereiro até às 23h59m de 26 de Fevereiro. 
Só é válida uma participação por pessoa e residência, de residentes em Portugal Continental e Ilhas.
Ser seguidor do blogue Manta de Histórias: www.mantadehistorias.blogspot.pt
(Para ser seguidor, basta clicar em "aderir a este site" na barra lateral direita do blogue.)
Partilhar publicamente o passatempo.
Múltiplas participações serão automaticamente anuladas.
O vencedor será sorteado aleatoriamente (random.org) pela administração do blogue, contactado por e-mail e o resultado será anunciado no blogue.
O blogue e a editora não se responsabilizam por eventuais extravios no envio do livro por correio.
Boa sorte!

Resultado Passatempo - A Herança Bolena


Obrigada a todos os que participaram neste passatempo.
Um enorme agradecimento à Planeta pela oferta de um exemplar de A Herança Bolena
Tivemos 120 participações válidas. Obrigada! 
O número sorteado foi o 72.
A grande vencedora foi:

Mariana Verdial - Barreiro

Parabéns!

Se ainda não foi desta que foi o grande vencedor não desista. Há sempre boas oportunidades aqui no blogue. 

Até breve!

Uns Óculos para a Rita de Luísa Ducla Soares - Reedição Porto Editora


Títulos: Uns Óculos para a Rita 
Autor: Luísa Ducla Soares 
Ilustração: Rita Duque 
Coleção: Luísa Ducla Soares
Público-alvo: 6-10 anos 
Págs.: 32 
PVP: 13,30 €

Sinopse
Há crianças que resistem a usar óculos porque acham que eles as desfavorecem. Mas não reparam que os óculos até servem de moldura a uns lindos olhos. E com eles o mundo, de repente, torna-se mais rico, mais nítido e colorido. Com eles descobrem a formiga atarefada, o botão que caiu na carpete, a pintinha do i, o berlinde que rebolou para longe. Com eles passam de alunos desatentos a garotos interessados. E começam a ter boas notas...

Luísa Ducla Soares nasceu em Lisboa a 20 de julho de 1939. É licenciada em Filologia Germânica pela Universidade Clássica de Lisboa. Iniciou a sua atividade profissional como tradutora, consultora literária e jornalista, tendo sido diretora da revista de divulgação cultural Vida (1971-2). Colaboradora de diversos jornais e revistas, estreou-se com um livro de poemas, Contrato, em 1970.
Foi Adjunta do Gabinete do Ministro da Educação (1976-8).
Trabalhou de 1979 a 2009 na Biblioteca Nacional onde iniciou a sua atividade realizando uma bibliografia da literatura para crianças em Portugal. Foi assessora principal desta instituição e responsável pela Área de Informação Bibliográfica. Aí organizou, no centenário de Andersen, uma exposição, acompanhada de catálogo, sobre Andersen em Portugal e diversas exposições.
Dedicada especialmente à literatura para crianças e jovens, em prosa bem como em poesia, publicou mais de uma centena de obras neste domínio. 
Muitos dos seus poemas foram musicados (por Suzana Ralha, Daniel Completo, João Portugal, Óscar Ribeiro e outros compositores) tendo sido editados em diversos CD. Escreveu guiões televisivos sobre língua portuguesa para os mais jovens. É sócia fundadora do Instituto de Apoio à Criança. Realizou todos os sites de Internet da Presidência da República para crianças e jovens no mandato do Presidente Jorge Sampaio. Tem elaborado para o Instituto Português do Livro e das Bibliotecas e para o Ministério da Educação diversas publicações seletivas da literatura infantil nacional e internacional.
Junto de escolas e bibliotecas, desenvolve regularmente ações de incentivo à leitura. Participa frequentemente em colóquios e encontros, apresentando conferências e comunicações sobre a problemática relacionada com os jovens e a leitura e sobre literatura para os mais novos. 
Recusou, por motivos políticos, o Grande Prémio de Literatura Infantil com que o SNI pretendeu distinguir o seu livro História da Papoila em 1973. Recebeu o Prémio Calouste Gulbenkian para o melhor livro do biénio 1984-5 por 6 Histórias de Encantar e foi galardoada com o Grande Prémio Calouste Gulbenkian pelo conjunto da sua obra em 1996. Foi candidata de Portugal ao Prémio Andersen.
Em 2004, foi escolhida pela Secção Portuguesa do IBBY (International Board on Books for Young People) como candidata ao Prémio Hans Christian Andersen. Em 2009, a Sociedade Portuguesa de Autores distinguiu-a com a sua Medalha de Honra. Em 2010, foi proposta pela DGLB como candidata de Portugal ao Prémio Ibero-Americano SM de Literatura Infantil e Juvenil.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Quando o Sol Brilha de Rui Conceição Silva - Novidade Marcador


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 304
Editor: Marcador
ISBN: 9789897541681
PVP: 17,50€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
Haverá um dia em que tu perceberás. Que verás claramente a estrela que agora não vês. Que distinguirás o seu brilho na noite de penumbra. Porque só então, quando todas as outras se apagarem, essa pequenina estrela brilhará no céu.
«Acho que vi cavalos no horizonte», disse o meu pai com olhos de luz, naquele sábado tão longe dos sonhos.
E era um sábado fácil de descrever: eu lia um livro na varanda e o meu pai esperava pelos cavalos. Era assim ultimamente.
O sorriso do meu pai pacificou-se, sossegando pensamentos tristes que me invadiam, quase sempre àquela hora, quando a tarde se despedia e eu ficava a falar com o pôr do Sol sobre os meus silêncios, contando-lhe toda a verdade, todos os sentimentos que me asfixiavam. Dizia-lhe tudo o que sentia, que acreditava que os dias felizes apenas existiam nas lendas.  

Galveston de Nic Pizzolatto - Novidade Editorial Presença


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 240
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722354738
Coleção: O fio da Navalha
PVP: 14,90€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
No mesmo dia em que diagnosticam a Roy Cady uma doença terminal, ele começa a sentir que o seu chefe, um perigoso bandido de Nova Orleães, quer vê-lo morto. Convicto de que a estranha missão que lhe é confiada nessa mesma noite é na realidade uma emboscada para o liquidar, Roy vai preparado para o pior e é por pouco que consegue escapar a um violento ataque e salvar uma jovem que se encontrava no local. Leva-a consigo na fuga para Galveston, no Texas, mas a jovem prostituta tem segredos que ameaçam a sobrevivência de ambos e uma história de vida que irá perseguir Roy por muito tempo neste thriller poderoso que anuncia a chegada de um novo grande talento à literatura policial.

Saiba mais sobre o livro no site da Editorial Presença, aqui.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

A Linguagem das Irmãs de Amy Hatvany - Novidade Topseller


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 304
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898800268
PVP: 16,59€

Sinopse
Há dez anos, Nicole Hunter tomou a difícil decisão de abandonar o seu lar problemático em Seattle. Deixou para trás a sua querida irmã Jenny, possuidora de um distúrbio neurológico que a colocara dependente de uma cadeira de rodas e lhe retirara a capacidade da fala. Após uma década em São Francisco, Nicole tenta convencer-se de que tudo está bem, mas nem a sua vida sentimental nem a profissional são as que ambicionava.
Quando um violento e trágico acontecimento envolve a sua irmã, Nicole é forçada a regressar à casa de infância onde deixou memórias impossíveis de resolver e perdoar. Ali acabará por tomar a decisão mais acertada da sua vida: cuidar da irmã e resolver os conflitos com a mãe e as memórias dolorosas deixadas pelo pai. Só assim conseguirá redimir-se da culpa que a acompanha e tornar-se a irmã que gostaria de ter sido. Uma história tocante, autêntica e libertadora, sobre as escolhas que é necessário fazer na vida, sobre o poder da amizade e sobre a importância dos laços familiares.  

A Topseller disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui

Sobre a autora
Escritora norte-americana formada em Sociologia, a sua experiência académica possibilitou-lhe um grande conhecimento da natureza humana. Nos seus livros aborda diversos temas controversos, incluindo doenças mentais, violência doméstica e alcoolismo.
É autora bestseller de O Jardim das Memórias e Ao Encontro do Destino, ambos publicados pela Topseller, e ainda de Best Kept Secret e Heart Like Mine. Amy vive em Seattle com o marido (o segundo e o último, pois se este não der certo, kaput, acabou-se, não há mais maridos) os filhos e dois cães.
Mais sobre Amy Hatvany em: www.amyhatvany.com 

Imprensa
«A Linguagem das Irmãs descreve habilmente a experiência de viver e tratar de uma pessoa com necessidades especiais.» - Publishers Weekly

«Amy Hatvany escreve com profundidade e compaixão.» - Luanne Rice, autora bestseller internacional

«Amy Hatvany é uma voz nova e forte na ficção feminina contemporânea.» - Kristin Hannah, autora bestseller internacional.

O Miniaturista de Jessie Burton - Novidade Editorial Presença


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 412
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722354585
PVP: 18,90€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
Num dia de outono de 1686, a jovem Nella Oortman, recém-casada com um próspero mercador de Amesterdão, Johannes Brandt, chega à cidade na expetativa da vida esplendorosa que este casamento auspicioso lhe promete. Mas, entre a amabilidade distante do marido e a presença repressiva da cunhada, Nella sente-se sufocar na sua nova existência. Até que um dia, Johannes lhe oferece uma réplica perfeita, em miniatura, da casa onde vivem. Nella encomenda então a um miniaturista algumas peças para ornamentar a casa. Mas algo de surpreendente acontece: novas encomendas de miniaturas continuam a chegar sem terem sido solicitadas, como presságios silenciosos de futuras tragédias. Um romance de estreia magnífico, sobre amor e traição, que evoca com grande sensualidade a atmosfera da Amesterdão do século XVII.

Jessie Burton nasceu em Inglaterra em 1982. Estudou na Universidade de Oxford e na Central School of Speech and Drama. O Miniaturista, o seu primeiro romance, tornou-se um bestseller do New York Times e do Sunday Times. Foi Livro do Ano da Waterstones e recebeu o Specsavers National Book Award Best New Writer of the Year.

Saiba mais sobre o livro no site da Editorial Presença, aqui.

O Irmão Alemão de Chico Buarque - Novidade Companhia das Letras


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 192
Editor: Companhia das Letras
ISBN: 9789898775238
PVP: 15,90€

Sinopse
Aos 22 anos Chico Buarque descobriu que tinha um irmão alemão. 
Sergio Buarque de Holanda, reputado historiador e crítico literário, pai de Chico, vivera na Alemanha entre 1929 e 1930, enquanto correspondente de um jornal. A efervescente Berlim dos anos 30 serviu de cenário a um romance com uma mulher alemã, de quem teve um filho que nunca chegou a conhecer. Chamava-se Sérgio Ernst. 
Quase cinco décadas depois da descoberta, Chico Buarque decidiu fazer da existência desse irmão - e do silêncio em torno dele - a matéria do seu próximo romance. Mas antes precisava de saber exactamente o que lhe acontecera. 
Dessa busca nasce este romance. Magistralmente conduzida por um narrador obsessivo, delirante, megalómano e profundamente solitário sem o querer ser, a narrativa enreda o leitor numa trama em que realidade e devaneio se confundem permanentemente. A páginas tantas, a busca de narrador e autor passa a pertencer igualmente ao leitor, também ele desesperadamente procurando esse irmão desconhecido.

Chico Buarque, escritor, compositor e cantor popular brasileiro, Francisco Buarque de Holanda nasceu a 19 de Junho de 1944, no Rio de Janeiro. Filho do historiador Sérgio Buarque de Holanda, cedo se habituou a conviver com o mundo das artes e das letras. As reuniões da casa paterna eram frequentadas por intelectuais e artistas, entre os quais Vinicius de Moraes, que mais tarde viria a assinar uma meia dúzia de temas em parceria com o jovem Chico Buarque (incluindo Valsinha), e também pelos amigos da sua irmã Heloísa - Baden Powell, Óscar Castro Neves, Alaíde Costa. Da irmã receberia as primeiras lições de violão e de João Gilberto as primeiras influências musicais. Em meados dos anos sessenta, no início da bossa-nova e em pleno movimento de agitação social, Chico Buarque abandonou o curso de Arquitectura para se dedicar definitivamente ao violão e à escrita.

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Um Erro Fatal de Sophie Hannah - Novidade Asa


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 464
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789892329215
PVP: 18,90€
Disponível a partir de 17-02-2015 

Sinopse
A manhã que mudou a vida de Nicki Clements seria como tantas outras se o seu filho não tivesse esquecido a mochila em casa.
Foi com o objetivo de lha entregar que ela saiu.
Não planeara passar vezes sem conta pela casa do controverso jornalista Damon Blundy, recentemente assassinado. Mas a verdade é que passou…
É a estranheza do seu comportamento que leva a polícia a interrogá-la. Nicki diz a verdade: não conhecia Damon.
E não, não sabe explicar a enigmática arma do crime. Nem tão-pouco entende a mensagem que o assassino escreveu a tinta vermelha na parede da vítima: "ELE NÃO ESTÁ MENOS MORTO".
O problema é que não poderá nunca revelar porque estava tão perto do local do crime. Se o fizer, terá de confessar um segredo que a destruirá. É que Nicki pode não ser culpada, mas está longe de ser inocente…

Sobre a autora
Natural de Manchester, Sophie Hannah é uma poetisa galardoada de enorme sucesso. A sua última colectânea, First of the Last Chances, foi escolhida pela Poetry Book Society como uma das obras de referência da nova geração de poetas, em Junho de 2004. Foi finalista do prémio TS Eliot.
Declama regularmente a sua poesia para grandes plateias, tanto no seu país como no estrangeiro, e obteve o primeiro lugar no concurso de contos do Daphne Du Maurier Festival, com «The Octopus Net», uma obra de suspense extraída do livro The Fantastic Book of Everybody’s Secrets
O Pesadelo de Alice é a sua primeira incursão pelo thriller, escrito pouco tempo depois de dar à luz o seu primeiro filho, e um desafio que lhe tem valido os mais entusiastas elogios de toda a crítica literária.
Foi a escritora escolhida para dar nova vida ao incomparável Hercule Poirot.
Vive em Cambridge, onde é professora honorária. 

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Adivinha Quem Sou Esta Noite de Megan Maxweel - Novidade Planeta


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 475
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896576059
PVP: 18,85€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
Após o incidente provocado por uma ex-amante de Dylan, Yanira e ele celebram o seu ansiado casamento. A vida de recém-casados é uma contínua lua-de-mel. 
Ambos são duas feras do sexo e gostam do mórbido, das fantasias e de experimentar coisas novas. 
Juntos inventam um jogo chamado Adivinha Quem Sou Esta Noite, repleto de luxúria, possessão e sensações, onde os limites são estabelecidos por eles.
Tudo caminha às mil maravilhas até que Yanira regressa aos espectáculos. O que para ela é um sonho tornado realidade, para Dylan será o ponto de partida para muitos problemas, desconfianças, ciúmes e rupturas, que se multiplicam com as invenções da imprensa.
Yanira e Dylan não conseguirão evitar que as suas vidas se descontrolem de uma forma inimaginável.

Megan Maxwell é uma reconhecida e prolífica escritora do género romântico. Filha de mãe espanhola e pai americano publicou vários romances.
Em 2010 ganhou o Premio Internacional Seseña de Novela Romántica; em 2010, 2011 e 2012 recebeu o Premio Dama de Clubromantica.com; em 2013 o Aura Galardão do Encuentro Yo Leo RA.
Vive numa encantadora aldeia nos arredores de Madrid, na companhia do marido, dos filhos, do cão Drako e do gato Romeo.
Encontrará mais informação sobre a autora e a sua obra em www.megan-maxwell.com

Porto Editora | O Principezinho em edição especial


Título: O Principezinho
Autor: Antoine de Saint-Exupéry
Ilustração: Antoine de SaintExupéry
Págs.: 112
PVP (edição cartonada): € 14,90


Depois de, nos primeiros dias de 2015, a Porto Editora ter colocado nas livrarias O Principezinho numa edição que, pela primeira vez em Portugal, fixa texto e ilustrações de acordo com a edição original de 1943, é chegado o momento de proporcionar aos leitores portugueses uma edição especial de referência, imprescindível em qualquer biblioteca pessoal.

Traduzido para mais de duas centenas de línguas, O Principezinho foi escrito e ilustrado por Antoine de Saint-Exupéry durante o período de exílio nos Estados Unidos, onde foi publicado pela primeira vez no dia 6 de abril de 1943 pelas Edições Reynal & Hitchcock em Nova Iorque, nas línguas inglesa e francesa.

Apenas três anos mais tarde, em 1946, e já depois do desaparecimento de Exupéry em 1944 durante uma missão aérea na Segunda Guerra Mundial ao largo da Córsega, surge uma publicação em França. Não dispondo dos originais da obra (texto e ilustrações), que se encontravam em Nova Iorque, a editora Gallimard seguiu um exemplar da edição americana. No entanto, no decorrer deste trabalho, perderam-se pormenores nas ilustrações e surgiram algumas gralhas que estão refletidas em edições entretanto publicadas.

Esta edição especial junta-se à edição que foi lançada no início do ano que integra a coleção “Educação Literária” e dá mais um motivo para (re)descobrir uma história intemporal que marcou gerações e conquistará novos leitores de todas as idades. De destacar que ambas as edições têm o prefácio escrito por Valter Hugo Mãe, uma verdadeira bula que explica a importância de ler O Principezinho.

“Ler e reler O Principezinho é uma tarefa de felicidade”. Valter Hugo Mãe

Perfect Library!


(Fonte: http://casavogue.globo.com/Interiores/noticia/2013/05/decor-do-dia-charme-e-conforto.html)

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Coolbooks - Leve 2 e pague 1


Celebre o Dia dos Namorados e o Amor com livros.
Se a sua cara-metade adora ler, aproveite para oferecer grandes emoções.
A Coolbooks está com uma campanha promocional tentadora. 
Por cada compra de dois livros que o leitor efetue, a Coolbooks irá oferecer o de menor valor. Todas as informações podem ser encontradas através desta ligação
Amor em dose dupla!

Últimos Ritos de Hannah Kent - Novidade Saída de Emergência


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 320
Editor: Saída de Emergência
ISBN: 9789896377366
PVP: 17,76€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
Na agreste paisagem islandesa, Hannah Kent traz à luz dos nossos dias a história de Agnes que, acusada do brutal assassínio do seu anterior amo, é enviada para uma quinta isolada enquanto aguarda a sua hora final.
Apavorados com a perspetiva de virem a albergar uma assassina, a família que a acolhe evita Agnes nas primeiras abordagens. Apenas Tóti, um padre designado para acompanhar Agnes nesta última caminhada e ser o seu guardião espiritual, procura compreendê-la. Mas assim que a data da morte de Agnes se avizinha, a mulher e filhas do lavrador descobrem que há uma segunda versão para a história brutal que ouviram.
Fascinante e lírica, Últimos Ritos evoca uma existência dramática num tempo e espaço distantes, dirigindo-nos a enigmática pergunta: como pode uma mulher suportar a mágoa e a injustiça quando a sua vida depende das histórias contadas pelos outros?

Hannah Kent nasceu em Adelaide, Austrália, em 1985. Em jovem viajou até à Islândia num intercâmbio do Rotary Club, onde primeiro conheceu a história de Agnes Magnúsdóttir.
Hannah é a cofundadora e editora do jornal literário australiano Kill Your Darlings, e encontra-se a completar o doutoramento na Flinders University.
Em 2011 ganhou o primeiro Escrever a Austrália – Melhor Manuscrito Não Publicado (Writing Australia Unpublished Manuscript Award).Últimos Ritos é o seu primeiro romance. 

Imprensa
«Eis uma voz original e nova, com um profundo e encantador sentido linguístico e de narrativa. O primeiro romance de Hannah Kent, Últimos Ritos, é uma verdadeira pedra preciosa, com a sua prosa tão resistente e cintilante como a paisagem escandinava.» Geraldine Brooks, Vencedora do Prémio Pulitzer

Linda - Como no Homicídio Linda Bäckström - Vol. 1 - Novidade Bertrand Editora


Prémio Petrona 2014
Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 512
Editor: Bertrand Editora
ISBN: 9789722529433~
PVP: 18,80€
Disponível a partir de 20-02-2015 

Sinopse
Evert Bäckström, um inspetor «atarracado e primitivo» faz a sua estreia no primeiro livro da trilogia com o seu nome.
Durante um verão invulgarmente quente na Suécia, em que a grande notícia são mesmo as temperaturas, uma jovem é assassinada. Os principais efetivos da polícia de Estocolmo estão de férias e o caso é entregue a Evert Bäckström, um homem que dá mais trabalho do que cem delinquentes, se não mais.
Enquanto o homicídio de Linda ocupa as primeiras páginas dos jornais sensacionalistas e dos noticiários televisivos, Bäckström lidera uma investigação que quase lhe escapa das mãos, não fosse o esforço extraordinário da sua equipa.
Uma magnífica intriga policial, onde brilha sobretudo a sátira através do seu protagonista, o anti-herói e politicamente incorreto Evert Bäckström.

Leif G. W. Persson é o mais célebre dos criminologistas escandinavos e especialista em perfis psicológicos. Foi conselheiro do Ministério da Justiça sueco e é professor da Academia de Polícia sueca, sendo regularmente consultado na qualidade de maior especialista em crime do seu país natal. A par destas suas atividades, há mais de três décadas que vem escrevendo policiais que, com a sua capacidade de observação, o seu saber profissional e o seu desarmante sarcasmo, têm conquistado legiões de leitores em todo o mundo.

Trailer da série Bäckström aqui.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Resultado Passatempo - Adivinha Quem Sou


Obrigada a todos os que participaram neste passatempo.
Um enorme agradecimento à Planeta pela oferta de um exemplar de Adivinha Quem Sou
Tivemos 158 participações válidas. Obrigada! 
O número sorteado foi o 10.
O grande vencedor foi:

André Silva - Paredes

Parabéns!

Se ainda não foi desta que foi o grande vencedor não desista. Há sempre boas oportunidades aqui no blogue. 

Até breve!

O Cemitério dos Amores Vivos de Jorge Araújo - Novidade Clube do Autor


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 148
Editor: Clube do Autor
ISBN: 9789897242021
PVP: 13,50€
Disponível a partir de 12-02-2015

Sinopse
Deixei-me ficar, as mãos enfiadas no mais fundo dos bolsos, os dedos a aconchegarem as arestas do mau agoiro. O olhar ajoelhado ao peso do destino.
(...)
Desde que recebi aquele telegrama, não penso em mais nada, a voz de dentro não se cala, as palavras morrem-me nos lábios, falam mais alto mas não querem ser grito, apenas pensamento. 
Tinha tanta coisa para lhe dizer, imaginara o discurso mas, no fundo, sabia que acabaria por quase nada falar. O que é que se diz a uma pessoa que se ama, que se ama assim, que se ama tanto que até se odeia, que se ama e odeia no mesmo respirar?
(...)
─Um telegrama do meu filho? ─A incredulidade a estender o tapete vermelho ao pavor.
O meu filho.
(...)
Não vejo o meu filho, o meu único filho, há mais de dezassete anos, três meses e vinte e três dias - sou fraco a matemática, mas nunca me engano na aritmética dos sentimentos. 
(...)
─O teu pai morreu – foi assim que a mãe o arrancou de mim. 
Aquela frase tinha licença de porte de arma. Cirúrgica, assassina, desferida a tiro, à queima-roupa. Doeu muito ouvi-la, muito é nada, ainda hoje o meu coração morre só de recordar a entoação com que foi pronunciada.

Jorge Araújo nasceu na cidade do Mindelo, em São Vicente. Em Portugal, colaborou com diversas publicações e é atualmente o editor da revista do semanário Expresso. Enquanto jornalista venceu o Grande Prémio Gazeta e o Prémio AMI – Jornalismo contra a indiferença. Tem várias obra publicadas, entre elas Comandante Hussi, vencedor do prémio Gulbenkian para a qualidade literária, Nem Tudo Começa com um Beijo, Paralelo 75 e Beija-Mim.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Passatempo Planeta - A Herança Bolena (4º/2015)


Com o precioso apoio da Planeta, temos para oferecer um exemplar do livro A Herança Bolena. Para se habilitar a ganhar este exemplar, só tem de responder correctamente às questões que se encontram no formulário e ler com atenção as regras do passatempo. 


Regras do passatempo:

O passatempo é válido de 09 de Fevereiro até às 23h59m de 15 de Fevereiro. 
Só é válida uma participação por pessoa e residência, de residentes em Portugal Continental e Ilhas.
Ser seguidor do blogue Manta de Histórias: www.mantadehistorias.blogspot.pt
(Para ser seguidor, basta clicar em "aderir a este site" na barra lateral direita do blogue.)
Partilhar publicamente o passatempo.
Múltiplas participações serão automaticamente anuladas.
O vencedor será sorteado aleatoriamente (random.org) pela administração do blogue, contactado por e-mail e o resultado será anunciado no blogue.
O blogue e a editora não se responsabilizam por eventuais extravios no envio do livro por correio.
Boa sorte!

Amar Não é Pecado de Flávio Capuleto - Novidade Guerra e Paz Editores


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 272
Editor: Editora Guerra & Paz
ISBN: 9789897021305
Coleção: Clube do Livro SIC
PVP: 15,99€
Disponível a partir de 18-02-2015

Sinopse
Uma pergunta abala os alicerces do Vaticano: os padres podem ou não podem casar?
Há congregações em luta. Cada uma escolhe as suas armas, nem sempre as mais honestas. O inspector português Luís Borges e a ardente simbologista Valéria Del Bosque têm nas mãos um argumento de choque, um manuscrito que vai ser um terramoto na Santa Sé. 
Contra bispos, cardeais e a máfia russa, de Roma a Moscovo, passando por Paris, Jerusalém e Damasco, Luís e Valéria vivem aventuras cheias de perigos e pecados, todos mortais. Entre prostitutas e criminosos, Luís e Valéria estão à beira de encontrar o verdadeiro Jesus Cristo. Se o manuscrito que descobriram for verdadeiro, então, definitivamente, AMAR NÃOÉ PECADO. Nem mesmo na Santa Sé. 
Depois do êxito de Inferno no Vaticano, Amar não É Pecado é o romance em que Flávio Capuleto vai até à mais recôndita intimidade de Jesus, o Deus que se fez Homem. Um escândalo? Não, não é, porque Amar não É Pecado. 
Se Jesus amou, porque não podem os padres amar?

Sobre o autor
Tem 72 anos e já provou que a idade é só um número. Nunca desistindo de perseguir o seu sonho, tornou-se, em 2014, um romancista bem-sucedido: Inferno no Vaticano foi um dos best-sellers do ano editorial português. Autodidacta convicto, o autor leu Romeu e Julieta aos 11 anos, o que explica a mudança do apelido para Capuleto. Leu muito, viveu mais: de um escritório de advogados a soldado em Angola, passando por uma fábrica de malas de viagem, fez tudo até ser dono de um aviário de frangos. Fartou-se. Não queria frangos, queria livros. Começou por vendê-los, como distribuidor, às livrarias. Agora, porque a sua paixão não abrandou e o número de leitores do seu primeiro livro continua a crescer, Flávio Capuleto publica a continuação da saga de Valéria Del Bosque e Luís Borges, num romance que promete seguir o trilho de êxito já inaugurado.

Acompanhe diariamente o autor em www.facebook.com/flavio.capuleto

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

[A minha Opinião] Enrolados



Depois de ler "Envolvidos" (opinião, aqui), confesso que estava desejosa por conhecer o destino final de Katherine Brooks e Drew Evans. O primeiro livro da série Envolvidos foi uma autentica surpresa. Cheio de situações hilariantes, uma viagem espantosa e sem tabus ao mundo do solteirão e mulherengo Drew. Sem dúvida que Emma Chase me surpreendeu com a sua escrita. Ninguém diria que era uma mulher a escrever sobre o mundo dos homens.

Tinha altas expectativas para este segundo livro, já que me surpreendi bastante com o primeiro. Talvez por esperar muito deste livro, tenha sentido que este não me cativou tanto como o primeiro. Talvez por já não ter o factor surpresa do primeiro. Talvez por não ser Drew Evans o anfitrião da narrativa.

É Katherine que me narra a história e dá a conhecer como evoluiu a sua relação com Drew. Acompanho desta feita a realidade de Katherine Brooks. Fico a conhecer melhor esta personagem, pois no primeiro livro fica muito por descobrir sobre esta mulher. As revelações são surpreendentes.

Como diz a capa do livro, o amor dá muitas voltas e a fantástica história de amor entre Drew e Katherine vai levar um valente abanão. Emma Chase soube muito bem criar tenção entre estas duas personagens, leva-las ao limite, deixa-las em farrapos e reerguê-las das cinzas.

Se no primeiro livro temos toda a realidade da conquista, a dúvida se a paixão é correspondida. Neste temos a luta por manter um relacionamento, a perda, a desilusão, a dor. A conquista é fácil, depois o difícil é manter. Emma Chase, na sua forma singular, soube transmitir emoções, criar tensão e muitos mal-entendidos por resolver. Dei por mim, novamente, a querer muito mal à personagem de Drew.

As minhas altas expectativas não foram atingidas, mas não quero com isto dizer que, deixem de ler o livro. Continua a ser uma leitura divertida, que emociona, com personagens cativantes e realidades com as quais nos identificamos.

Boas leituras!

Passagem do livro que me marcaram 

"As pessoas também são assim. Imprevisíveis. Não importa quanto se pensa que se conhece uma pessoa, quão confiante se está relativamente aos seus sentimentos e às suas reações. Mesmo assim conseguem surpreender-nos. E da maneira mais devastadora que se pode imaginar."

"As separações são muito parecidas com a morte. O desaparecimento da pessoa que se era, da vida que se planeou ter."

"O amor é assim. Simplesmente não para. Não importa o quão magoados, lesados ou zangados estejamos: o amor continua lá."

"E por vezes o perdão é egoísta. Damo-lo não porque foi ganho, mas porque é o que nós precisamos. Para encontrar a paz. Para ficarmos novamente inteiros."

"Mas o que acontece depois do "erro"? (...) Dá-se um passo em frente. Reconstrói-se. Ascende-se desde as profundezas com determinação de que a vida não só voltará ao normal mas de que será melhor, mais doce. Porque a acuidade da visão a posteriori é superior à normal. A perspetiva não muda só a maneira como se veem as coisas. muda a maneira como se sente. E uma vez que se pense que se perdeu tudo, valoriza-se infinitamente mais cada momento."

O Monstro de Monsanto de Pedro Jardim - Novidade Esfera dos Livros


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 280
Editor: A Esfera dos Livros
ISBN: 9789896266424
PVP: 16,00€
Disponível a partir de 13-02-2015

Sinopse
Uma rapariga encontrada morta na floresta de Monsanto. Um delicado vestido azul a cobrir o corpo. O cabelo cuidadosamente penteado. Uma máscara de papel branco com um poema de Florbela Espanca sobre o rosto. É este o cenário que Isabel Lage, inspetora da Brigada de Homicídios da Polícia Judiciária, encontra no local do crime. A primeira vítima de um serial killer que não deixa pistas, que habilmente se move pela floresta e que parece conhecer todos os passos da polícia. Isabel está apostada em resolver este mistério e fazer justiça em nome das mulheres que morrem às mãos de um assassino frio e calculista. Mas todas as pistas levam a João, o seu antigo companheiro de patrulha, e com quem partilhou mais do que aventuras profissionais. Pedro Jardim, chefe de polícia com experiência em investigação criminal, traz-nos no seu romance de estreia um thriller empolgante e arrebatador que nos prende até à última página. Pode haver um monstro em qualquer um de nós...

Pedro Jardim nasceu em Lisboa, em 1976, e foi no Alentejo, em Vila Viçosa, onde viveu desde muito novo, que descobriu o prazer pelas artes e pela literatura. Fez o liceu na Princesa do Alentejo, berço da poetisa Florbela Espanca, e licenciou-se em Sociologia, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. É chefe de Polícia desde 2006, depois do ingresso na PSP em 1998. Além das funções que exerce, detém também experiência em investigação criminal, com curso de especialização em 2003. A paixão pela literatura fez com que aprofundasse os seus conhecimentos e levou-o a estudar escrita criativa com João Tordo. Vencedor do prémio Mais Literatura 2013, pela revista Mais Alentejo, publicou a sua primeira obra, As Crónicas do Avô Chico, em 2011 e A Senhora da Tapada, no ano seguinte. Conta com inúmeras participações em antologias de poesia e livros de contos. Ser pai levou-o a apaixonar-se pela literatura infanto-juvenil, área que tem já dois títulos editados: O Dragão Rouxinol e Gigante Gigantão, de 2013 e 2014. Com um e outro, tem visitado livrarias, bibliotecas e escolas por todo o país. O Monstro de Monsanto é o seu primeiro romance.

Visite a página de Facebook O Monstro de Monsanto, aqui.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

[A minha Opinião] Uma Semana Para te Amar


Mais uma vez a Topseller surpreendeu-me com este romance para jovens adultos. Estou a ficar fã deste género e a Topseller está imbatível. 

Não conhecia a escritora Monica Murphy, e com este romance, Uma Semana para te Amar, passei a ser sua fã. Confesso que estou super curiosa por conhecer os seus romances contemporâneos e ver se me surpreende de igual forma. 

Mas voltando a este pequeno tesouro, (pequeno no sentido das suas 206 páginas) que história! Que personagens! Sem dúvida que drama e emoções fortes não faltam nesta história. 

Não esperava que o género literário jovem adulto me oferece-se histórias profundas e personagens marcantes. Pensava eu que "Uma Semana Para Te Amar", me ofereceria uma história leve, sobre uma primeira paixão arrebatadora mas surpreendi-me. É mais do que uma paixão arrebatadora, é mais do que uma brincadeira de adolescentes, é mais do que um refúgio temporário, é mais profundo. 

"Estou demasiado envolvida." São estas três palavras que dão inicio a uma viagem atribulada. São estas palavras que me transportaram para o mundo de Fable Maguire e Drew Callahan. Dois jovens com vidas diferentes, de classes sociais desiguais, com os seus próprios dramas familiares, com as suas próprias lutas interiores e que, de alguma forma, encontram a força um no outro e reconhecem o desespero do outro.

A cada página lida, foi percebendo os contornos sombrios da vida de cada uma das personagens. Drew despertou em mim muitas questões, logo no inicio da narrativa. Como pode um rapaz bonito, popular, melhor jogador de futebol da universidade, ter um receio terrível de ir passar uns dias com a sua família? A autora soube despertar a curiosidade e fazer-me pensar em todas as possibilidades e mais algumas. Ao longo da leitura as pistas são lançadas e as minhas suspeitas vão sendo construídas. Sem dúvida que Monica Murphy é uma mestre em agarrar o leitor, da primeira até à última página. 

Fable Maguire é a personagem que guia o leitor ao longo do livro. Durante a leitura tenho a perspectiva dela dos acontecimentos. Conheço bem a sua dramática vida, os seus anseios e dificuldades, as suas lutas diárias, as preocupações de uma jovem que devia ser isso mesmo, uma jovem e não uma mãe temporária. Acompanho também a luta que trava consigo mesma, quando não consegue impedir os seus sentimentos em relação a Drew. 

É sem dúvida uma história inspiradora, que me agarrou logo à primeira página, que me fez sorrir, que me fez acreditar no amor, mas que também me revoltou, me questionou e incomodou. Quando um livro nos oferece tantas emoções e nos leva a questionar tantas coisas, só pode ser um bom livro. 

Estou com imensa vontade de saber como acabará esta história entre Drew e Fable. Sei que não irão faltar emoções fortes e surpresas a cada página. Só resta esperar pela leitura de "Vou Amar-te Para Sempre".

Boas leituras!            

Gramática Descomplicada de Sandra Duarte Tavares e Sara de Almeida Leite - Novidade Planeta


Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 136
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896575960
PVP: 12,95€

Sinopse
Um livro destinado perceber a gramática, não a memorizá-la.
Um livro prático, muito fácil de consultar, que não só ajuda a tirar as dúvidas referentes ao uso correcto da língua portuguesa no dia-a-dia como também explica, de uma maneira didáctica e simples, as principais regras gramaticais. 
Quantas vezes não teve dificuldade em ajudar o seu filho a estudar para um teste de Português ou a resolver um exercício de gramática? Quantas vezes não ficou confuso ao tentar compreender a diferença entre um quantificador e um determinante indefinido, ou entre um complemento indirecto e um oblíquo? Provavelmente muitas... mas decerto não é o único!
Escrito numa linguagem clara e acessível por duas autoras que, além de grandes especialistas, são apaixonadas pela língua portuguesa. 
Este guia procura desmistificar a complexidade da terminologia linguística actual, facilitando a compreensão de conceitos, sem descurar o necessário rigor científico. Não há termo linguístico que não possa ser explicado de forma simples.
Esta Gramática está organizada em três capítulos que, em si, já mostram como o conhecimento da língua pode ser descomplicado: letras e sons; palavras; frases e orações. 
Em cada capítulo são abordados conteúdos previstos nos programas curriculares das disciplinas de Português, tendo em conta o objectivo primordial de criar uma ferramenta de apoio ao estudo.

Sobre as autoras
Sandra Duarte Tavares é doutoranda, mestre e licenciada em Linguística Portuguesa pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É docente no Instituto Superior de Educação e Ciências, em Lisboa. É consultora linguística e colaboradora da RTP em programas radiofónicos de Língua Portuguesa: Jogo da Língua (Antena 1), Pontapés na Gramática (Antena 3) e Consultório Linguístico (RDP Internacional). É autora do guia Aspectos Críticos da Língua Portuguesa e coautora dos livros Assim é que é falar! e Pontapés na Gramática. Com Sara de Almeida Leite, publicou os livros Quem tem medo da Língua Portuguesa? e SOS Língua Portuguesa.

Sara de Almeida Leite é doutoranda em Estudos Portugueses, especialidade de Ensino do Português, mestre em Estudos Anglo-Portugueses e licenciada em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Português e Inglês, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. É docente no Instituto Superior de Educação e Ciências, em Lisboa. É consultora linguística e colaborou nos programas radiofónicos da RTP Páginas de Português (Antena 2) e Língua de Todos (RDP África). É autora de diversos artigos sobre didáctica da língua e da literatura. Com Sandra Duarte Tavares, publicou os livros Quem Tem Medo da Língua Portuguesa? e SOS Língua Portuguesa.

Sombras sobre o Cairo de Parker Bilal - Novidade Porto Editora


Edição/reimpressão: janeiro de 2015
Páginas: 376
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04583-6
PVP: 17,70€
Disponível a partir de 10-02-2015

Sinopse
No Sudão, ele foi inspetor-chefe até ter visto a sua família ser assassinada às mãos dos islamitas. Agora, exilado no Cairo, Makana procura sobreviver prestando serviços como detetive privado. Por sorte, o seu novo cliente tem dinheiro, muito dinheiro: dono de um clube de futebol, Saad Hanafi recorre aos préstimos de Makana justamente para que este encontre a estrela maior da sua equipa, Adil Romario, desaparecido em condições misteriosas. Empurrado para um mundo perigoso, a investigação de Makana conduzi-lo-á ao traiçoeiro submundo do seu país adotivo, cruzando-se com radicais islâmicos, gangsters russos, mulheres vingativas e uma mãe desesperada por encontrar a filha - trilhos que irão remexer com memórias pessoais dolorosas, acordando o passado e forçando a um encontro nada desejável… 

Parker Bilal é o pseudónimo de Jamal Mahjoub, escritor anglo-sudanês nascido em Londres, em 1960, mas educado em Cartum, no Sudão, onde a família permaneceu até 1990. Licenciado em Geologia, a sua paixão pela escrita fê-lo optar pela carreira literária. Com o seu verdadeiro nome, tem sete romances publicados, todos eles aclamados pela crítica e galardoados com diversos prémios. Sombras sobre o Cairo é o primeiro livro de uma série policial que decidiu assinar com pseudónimo. Vive atualmente em Espanha.

Imprensa
A prosa de Parker Bilal vive de subtilezas raras nos livros do género. O romance situa-se pouco antes da Primavera Árabe, e a cidade vibra de tal forma que sons e cheiros parecem saltar de cada página. The Economist

O magnífico retrato que Bilal cria de um homem nobre e destroçado domina o arranque desta nova série, um exemplo excecional de ficção literária. Kirkus Review

Através da experiência de uma família sudanesa exilada, podemos ver e sentir todo o percurso de um Egito à beira da mudança.The Independent

Passado em 1998, o romance relembra os extremos de pobreza e riqueza egípcios pouco antes da Primavera Árabe, e a história pessoal de Makana oferece-nos uma visão desoladora da perda e do exílio. The Sunday Times

Mais informações sobre o livro no site da Porto Editora, aqui.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

[A minha Opinião] À Beira do Lago Encantado


Barbara Cartland, ou melhor dizendo Dame Mary Barbara Hamilton Cartland foi uma autora inglesa, que escreveu mais de 700 livros durante toda a sua carreira. Lançou o seu primeiro romance, Jigsaw, em 1923, um thriller de sociedade que foi um bestseller. 

Desconhecia por completo esta carreira, cheia de sucessos e prémios de Barbara Cartland. Confesso que o que me atraiu para a leitura deste livro foi a maravilhosa capa. Mais uma vez os parabéns à Quinta Essência, que apresentam sempre capas maravilhosas. 

Como publicita a sinopse do livro, a narrativa decorre Marienbad, por volta de 1905, por entre intrigas, espionagem e uma bonita história de amor. 

Há muitos factos históricos nesta narrativa, que me levaram a conhecer a realidade social e politica do início do século XX. Uma Europa que se preparava para uma possível guerra. Países que procuravam os seus aliados e inimigos. Atendendo a esta realidade, a autora conseguiu transportar-me até essa época, onde as intrigas são o prato principal. 

As personagens principais, Lorde Arkley e Mariska, conquistam pelas suas personalidades correctas e integras, presas em vidas atribuladas. Para um pequeno romance, a autora dá aos leitores personagens cativantes mas pouco exploradas e desenvolvidas. 

É sem dúvida um romance de época leve, de leitura rápida, que conquista pelos cenários descritos e pelas intrigas politicas. 

Para uma autora com tantos romances publicados, estava à espera de mais qualquer coisa nesta leitura. Não quero com isto dizer que não voltarei a ler Barbara Cartland, pelo contrário. Ficarei à espera de um próximo livro para me surpreender. 

Boas leituras!